20 de novembro de 2018

Consciência Negra: 05 filmes pra você assistir hoje mesmo!

Oi genteeeeeee, tudo bem com vocês? Então, dia 20/11 é comemorado o dia da Consciência negra. E pensando nisso, resolvi trazer alguns filmes para que vocês reflitam sobre isso especialmente hoje.





























































Via 
O dia da consciência negra começou a ser incluso no calendário escolar desde de 2003, quando foi feito uma lei onde obrigasse a colocar ensino de nossas raízes na escola! (Obrigada Dilmãe!) Esse dia é uma homenagem ao zumbi dos palmares, mais especificamente nesse dia o zumbi foi morto, o líder do quilombo dos palmares, em 1965. E desde da década de 70 essa data é uma data de resistência e luta para negros. 
Bom, agora que já relembramos por que essa data é tão importante, vamos aos filmes! Já vou avisando que os filmes são pesadíssimos porém maravilhosos em diferentes formas, ok? Não digam que eu não avisei! (:
Lembrando que quando pensei nesse post, eu automaticamente fui pensando nesses filmes.


1. 12 anos de escravidão
Foto: via

Ai gente, esse filme me destruiu e me reconstruiu em 02h13min. Sério. Ele é lindo pela história, mas é sofrido pelo mesmo motivo. Quando terminei de ver, além de ter um rio que corria em meus olhos, também me empoderei ainda mais, me trouxe força pra lutar contra isso.

Sinopse: 1841. Solomon Northup (Chiwetel Ejiofor) é um escravo liberto, que vive em paz ao lado da esposa e filhos. Um dia, após aceitar um trabalho que o leva a outra cidade, ele é sequestrado e acorrentado. Vendido como se fosse um escravo, Solomon precisa superar humilhações físicas e emocionais para sobreviver. Ao longo de doze anos ele passa por dois senhores, Ford (Benedict Cumberbatch) e Edwin Epps (Michael Fassbender), que, cada um à sua maneira, exploram seus serviços.

2. Moonlight
Foto:via

Já faz dois anos que esse filme e mesmo que ele tenha ganhado vários prêmios eu ainda não consegui ver. Mas vou colocar ele aqui mesmo por que sei, por várias pessoas que me indicaram, que ele é ótimo! (quem sabe vejo esse ano ainda).

Sinopse: Três momentos da vida de Chiron, um jovem negro morador de uma comunidade pobre de Miami. Do bullying na infância, passando pela crise de identidade da adolescência e a tentação do universo do crime e das drogas, este é um poético estudo de personagem.

3. Histórias cruzadas
foto: via
Histórias cruzadas
Esse é o meu queridinho. Mas sou suspeita pra falar por que vocês sabem muito bem que sou apaixonada pela Viola Davis. Mas.. enfim. Acreditem em mim, esse filme é maravilhoso!

Sinopse: Jackson, pequena cidade no estado do Mississipi, anos 60. Skeeter (Emma Stone) é uma garota da sociedade que retorna determinada a se tornar escritora. Ela começa a entrevistar as mulheres negras da cidade, que deixaram suas vidas para trabalhar na criação dos filhos da elite branca, da qual a própria Skeeter faz parte. Aibileen Clark (Viola Davis), a emprega da melhor amiga de Skeeter, é a primeira a conceder uma entrevista, o que desagrada a sociedade como um todo. Apesar das críticas, Skeeter e Aibileen continuam trabalhando juntas e, aos poucos, conseguem novas adesões.

4. Doctor African

Se tem uma palavra que descreveria esse filme provavelmente seria: incrível. Sério gente, é muito bom! Ele é tão bom que até tem resenha dele aqui no blog, é só clicar aqui.

Sinopse: 1975. Seyolo Zantoko (Marc Zinga) é um médico que acabou de se formar em Kinshasa, capital do seu país natal, o Congo. De lá, ele decide partir para uma pequena aldeia francesa, um vilarejo que lhe deu uma imperdível oportunidade de trabalho. Com a sua família ao seu lado, Zantoko embarca na maior jornada de sua vida, onde precisará vencer o preconceito e as barreiras culturais para vencer.

5. Preciosa
Foto: via

Gente, esse filme é praticamente um clássico.  Aborta muitos assuntos importantíssimos com abusos, gordofobia, gravidez na adolescência, além do fato de ser uma adolescente negra. Enfim, são várias coisas, vale a pena assistir!

Sinose: 1987, Nova York, bairro do Harlem. Claireece "Preciosa" Jones (Gabourey Sidibe) é uma adolescente de 16 anos que sofre uma série de privações durante sua juventude. Violentada pelo pai (Rodney Jackson) e abusada pela mãe (Mo'Nique), ela cresce irritada e sem qualquer tipo de amor. O fato de ser pobre e gorda também não a ajuda nem um pouco. Além disto, Preciosa tem um filho apelidado de "Mongo", por ser portador de síndrome de Down, que está sob os cuidados da avó. Quando engravida pela segunda vez, Preciosa é suspensa da escola. A sra. Lichtenstein (Nealla Gordon) consegue para ela uma escola alternativa, que possa ajudá-la a melhor lidar com sua vida. Lá Preciosa encontra um meio de fugir de sua existência traumática, se refugiando em sua imaginação. 

Bom gente, então é isso que eu tenho pra vocês hoje! Espero muito que vocês tenham gostado desse post que fiz com tanto carinho. Se gostou, compartilha com os amigos, no grupo do wpp e tudo! Ok? Fica combinado assim? Então ótimo! Beijo, até a próxima. 
Instagram: @arquivosderafaela


0 comentários:

Postar um comentário

 
Me segue lá no instagram pra gente ficar mais perto!
Siga meu insta!
Ana Liberato